top of page
30.png
Buscar

Posso usar o tarô de outra pessoa?

Entenda os desdobramentos que se tem em utilizar o Tarô de Terceiros


uma mulher sentada à mesa, cercada por cartas de tarô.
Utilização das cartas de Tarô

No filme "O Tarô da Morte", as pessoas são amaldiçoadas por usar o tarô de outra pessoa. Mas será que isso tem algum fundamento na vida real?


A Energia das Cartas de Tarô

Pegar, olhar e manusear um baralho de Tarô que não é seu pode parecer uma ação inofensiva, mas muitas pessoas acreditam que as cartas absorvem a energia do seu dono. Isso significa que, ao usar o baralho de outra pessoa, você pode estar manipulando uma ferramenta impregnada com a energia de outro indivíduo.


Reflexão sobre o Uso do Tarô de Outra Pessoa

Mas será que é realmente perigoso? Eu acredito que o tarô é uma ferramenta muito pessoal e que, ao usar o baralho de outra pessoa, você pode não se sentir tão conectado ou confortável. O tarô responde à energia e à intenção do leitor, então usar um baralho estranho pode influenciar a precisão e a clareza da leitura.


Respeito e Permissão

É importante lembrar que o tarô de outra pessoa é uma extensão dela. Usar o tarô de outra pessoa pode ser intrusivo. É bom e respeitoso sempre pedir permissão. Às vezes, a pessoa não quer realmente que outra pessoa toque em seu tarô, e precisamos respeitar isso.


Limpeza de Tarôs Usados

E, no caso de você comprar um tarô usado, é importante fazer uma limpeza nele. Pode ser com incenso, gráficos radiestésicos ou cristais. Isso ajuda a limpar qualquer energia residual e a sintonizar o baralho com a sua própria energia.


Conclusão

Sempre respeite o espaço e a energia de cada pessoa. Se precisar usar um baralho que não é seu, peça permissão e, se possível, realize uma limpeza energética. Isso garantirá que suas leituras sejam claras e respeitosas.


Quer aprender a interpretar as cartas do Tarô de forma orientativa e ética? Clique aqui e conheça o curso 'Tarô Orientativo'.

3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page